Zuma quer Governo e sector privado de mãos dadas

0
172
Zuma

ZumaPerante cerca de seiscentas pessoas que afluiram ao segundo encontro de Jacob Zuma com as comunidades da HIP Alliance – portuguesa, grega, cipriota e italiana – o Chefe de Estado da África do Sul respondeu a dezassete perguntas do questionário que lhe foi colocado a 15 de Setembro de 2008 no pavilhão da União Cultural, Recreativa e Desportiva Portuguesa.

O evento realizou-se na noite de quinta-feira no Salão da Comunidade Helénica de Germiston, tendo o presidente da RSA estado no palco ladeado pelo cipriota Stavros Nicolaou, líder da HIP Alliance, e pela responsável pela ligação do ANC com as comunidades de emigrantes no país, Dorothy Mahlangu.

Tomaram ainda assento na mesa o mestre de cerimónias comendador italiano Maurizio Mariano, o advogado Chris Georgiades em representação da comunidade helénica anfitriã, e o coordenador em exercício da comunidade portuguesa na HIP, comendador Gilberto Martins. O embaixador de Portugal na África do Sul, dr. João Ramos Pinto, o cônsul geral em Joanesbugo, dr. Carlos Pereira Marques, e o conselheiro social dr. José Lima foram as entidades oficiais portuguesas que estiveram presentes.

Entre os diplomatas figuravam ainda representantes de Moçambique, Angola, Brasil, Itália e Líbano. O octogenário advogado grego George Bizos, que defendeu Nelson Mandela no histórico julgamento de Rivónia, também compareceu, sendo carinhosamen e saudado com calorosa salva de palmas. Entre os empresários de maior envergadura na África do Sul figurava Vivian Reddy.

O presidente Jacob Zuma assumiu este segundo encontro com as comunidades HIP com uma atenção redobrada e especial, a ponto de ter incluído na sua comitiva os seguintes 13 membros do Governo: ministro das Finanças Pravin Gordhan; ministro da Polícia Nathi Mthethwa; ministro do Comércio e Indústria Rob Davies; ministro da Saúde Aaron Motsoaledi; ministra do Desenvolvimento Social Edna Molewa; ministra das Mulheres, Crianças e Pessoas com Deficiências, Noluthando Mayende-Sibiya; ministro do Desenvolvimento Económico Ebrahim Patel; ministra das Minas Susan Shabangu; ministro do Desenvolvimento Rural e da Reforma Agrária Guguile Nkwinti; ministro da Educação Superior Blade Nzimande; ministro dos Serviços Públicos e Administração Richard Baloyi; vice-ministro da Justiça e Desenvolvimento Constitucional Andries Nel; vice-ministro das Artes e Cultura Paul Mshatile; além da porta-voz do African Nat  nal Congress, Jessie Duarte.