Visabeira espera facturação de 200 milhões de euros na Índia

0
112
Visabeira espera facturação de 200 milhões de euros na Índia

A parceria entre o Grupo Visabeira e o grupo indiano Bilra Group espera uma facturação de 200 milhões de euros nos próximos três anos, disse aos jornalistas João Castro, do grupo português.

 João Castro, da Visabeira, disse aos jornalistas, após a assinatura da parceria com o Bilra Group, em Nova Deli, que esta vai actuar fundamentalmente nas telecomunicações e nas áreas das energias.

 “A empresa que vamos constituir em conjunto com a Bilra Group vai atuar fundamentalmente na área dos projectos, na área de manutenção de fibras ópticas, também nas redes móveis e também na área da energia, na parte de transmissão”, afirmou.

 “O investimento vai ser gradual, vai ser de umas centenas de milhões, mas vai ser gradual ao longo dos anos. A nossa intenção é chegarmos aos 200 milhões de euros nos próximos três anos”, explicou João Castro, sublinhando que o mercado “é imenso” nesta região.

 “O acordo que estabelecemos vai começar para nos conhecermos melhor, mas a intenção é alargarmos para

outros mercados pela Índia”, acrescentou João Castro.

 Além da Visabeira, também o grupo Serrate, na área do azeite, formalizou a primeira grande encomenda de exportação.

 “Isto é o culminar de uma estratégia de internacionalização da empresa. Na Índia, começámos a trabalhar no sentido da grande dimensão nos últimos dois anos e temos a intenção de atingirmos todo o mercado deste país, que é grande, durante os próximos três anos”, disse Manuel Serra, do grupo Serrate.

 “O acordo prevê vendas na ordem dos 18 milhões de euros”, disse Manuel Serra, depois da assinatura do acordo de exportação na presença do ministro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, e do presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP).