Valtteri Bottas vence GP da Rússia e adia recorde de Hamilton

0
91

O piloto finlandês Valtteri Bottas (Mercedes) venceu ontem, domingo em Sochi o Grande Prémio da Rússia de Fórmula 1, 10.ª prova do Mundial, e adiou o recorde de vitórias do britânico Lewis Hamilton (Mercedes), apenas terceiro.

  Bottas terminou com 7,729 segundos de vantagem sobre o holandês Max Verstappen (Red Bull) e 22,729 face a Hamilton, que sofreu uma penalização de 10 segundos quando era líder e não conseguiu, assim, igualar os 91 triunfos de Michael Schumacher.

  Esta foi a segunda vitória em 2020 e nona da carreira para Bottas, que não triunfava desde a prova inaugural da temporada, o GP da Áustria, e recuperou 11 pontos para o líder do campeonato, seguindo agora a 44 de Hamilton.