Sporting derrota com facilidade Telstar da Holanda

0
160
Sporting derrota com facilidade Telstar da Holanda

Sporting derrota com facilidade Telstar da HolandaO Sporting venceu por 3-0 o Telstar, da II Divisão holandesa de futebol, mas os golos de Hélder Postiga (33 minutos), Diego Rubio (65) e Van Wolfswinkel (72 de grande penalidade) não disfarçaram notórias carências colectivas.

 A equipa do Sporting foi pela primeira vez minimamente testada no Sportpark Arnhem-se Boys, em Arnhem, Holanda, o que trouxe à tona notórias carências colectivas, mas o teste confirmou o grande potencial do jovem chileno Diego Rubio no ataque "leonino".
 Rubio já tinha sobressaído claramente no primeiro en-contro na Holanda, mas o adversário era extremamente frágil, ao passo que o de hoje já tinha alguma organização, noções básicas dos princípios de jogo e outro estofo físico.

 O facto de – além de privado de Izmailov, Luís Aguiar, Rinaudo e Onyewu – Domingos Paciência ter optado por não apresentar o melhor "onze", dividindo entre os dois tempos jogadores à partida titulares com juniores, retirou coesão colectiva à equipa.
 Em termos tácticos, o treinador leonino voltou a apostar no 4x1x3x2, esquema que tem adoptado frente a estes adversários mais fracos, mas, perante um adversário mais pressionante, a equipa revelou dificuldades em ligar o jogo e criar desequilíbrios no último terço do campo.
No entanto, é preciso notar que o Sporting jogou com quatro juniores na primeira parte e cinco na segunda.
 Por isso, os aspectos individuais acabaram por se sobrepor, sendo de realçar, além de Rubio, bons pormenores de Van Wolfswinkel no ataque, em termos de movimentação e de sentido de baliza.

 Tanto Postiga como Rubio "casam" melhor com Van Wolfswinkel, que é um jogador mais posicional, enquanto os outros dois são mais móveis e tecnicamente evoluídos, mas o português que se cuide porque o chileno pode ameaçar-lhe a titularidade.
 O Sporting marcou um golo na primeira parte, numa jogada de insistência de Postiga aos 33 minutos, a aproveitar a ingenuidade do central holandês, mas raramente conseguiu criar situações de golo.

 Aliás, coube ao Telstar a melhor situação de golo, aos 24 minutos, numa saída em falso de Tiago, salva por Daniel Carriço.
 Na segunda parte, Domingos manteve apenas dois jogadores da primeira parte, o jovem Llori e Postiga, mas a equipa continuou a revelar as mesmas dificuldades de ligação no seu jogo.
 O Sporting marcou, no entanto, mais dois tentos, um dos quais um "golão" de Diego Rubio e outro de Van Wolfswinkel, de grande penalidade.