Sporting de Rustenburg envia treze Luso-sul-africanos para treinar na Academia do Sporting

0
115
Sporting de Rustenburg envia treze Luso-sul-africanos para treinar na Academia do Sporting Clube de Portugal em Alcochete

No dia 28 de Setembro de 2015 partiu do aeroporto internacional de Joanesburgo, um grupo de 22 pupilos que treinam na Academia do Sporting em Rustenburg. Acompanhados de Miguel de Freitas e a sua esposa, Nicolette de Freitas, este grupo estará em Alcochete durante sete dias a fim realizar treinos de aperfeiçoamento e para absorver o trabalho realizado no centro de treinos e estágio do Sporting Clube de Portugal.

 Segundo nos revelou Vítor Paulo Aguiar, um dos directores desportivos da Academia de Rustenburg, “esta primeira experiência é para que também tenham uma noção concreta do que é um centro de estágio profissional europeu da mais alta qualidade e que possam absorver a experiência”, contou-nos antes dos pupilos partirem.

 Dos 22 que saíram de O.R. Thambo Internacional na segunda-feira, seis são luso-descendentes. No dia 2 Outubro, partirá o segundo grupo de jovens, este segundo grupo também composto por 22 pupilos, sete dos quais são luso-sul-africanos. Do total de 42 crianças que estarão em Alcochete, o mais novo tem sete anos de idade e o mais velho possui 18.

 O Século de Joanesburgo falou também com um dos pais, Mark David, que nos confessou que “penso que seja uma boa experiência, uma que durará para a vi-da. O Sporting oferece algo diferente das outras escolas de futebol aqui no nosso país. Porque não é só jogar futebol, tem a ver com respeito, disciplina e formação de valores.”  Continuou ao afirmar que “os treinadores estão em “brasa”dedicam-se a 110% às crianças e dão o máximo por elas.”

  O pai de Javae David de treze anos de idade, que joga desde os oito, afirmou estar satisfeito com os resultados do filho e com a Academia.

  As crianças estavam eufóricas, a maior parte das quais nunca tinha saído da África do Sul.