Sporting de Braga de Amorim continua vitorioso e sobe ao terceiro lugar

0
75

 O Sporting de Braga subiu ontem ao terceiro lugar da I Liga portuguesa de futebol, após vencer por 1-0 o Sporting, que caiu para o quarto posto, na 19.ª jornada da prova.

 O treinador Rúben Amorim continua totalmente vitorioso em todas as competições desde que tomou conta do Sporting de Braga, tendo somado o quinto triunfo consecutivo no campeonato, e colocou agora os minhotos no terceiro posto, depois de um início irregular ainda sob o comando de Ricardo Sá Pinto.

 Um golo do suplente Trincão, aos 76 minutos, decidiu a partida, no primeiro jogo do Sporting após a saída de Bruno Fernandes para o Manchester United.

 O Sporting de Braga passou a somar 33 pontos, mais um do que Sporting e Famalicão, que são agora, respectivamente, quarto e quinto posicionados.

 Nesta ronda, a equipa famalicense foi empatar ao terreno do Rio Ave (2-2), que é sexto classificado, com 29 pontos.

 Na Madeira, o Desportivo das Aves, último classificado, renasceu na luta pela manutenção, ao vencer o Marítimo, por 2-1, com a ajuda do guarda-redes iraniano Amir.

 Aos 62 minutos, com o resultado empatado (1-1), num livre indirecto de Reko, Amir foi protagonista pelas piores ra-zões, ao tentar agarrar a bola, acabando por largá-la para dentro da baliza.

 Antes, os avenses, que registaram o quarto triunfo na prova, adiantaram-se aos 18 mi-nutos, por Ricardo Mangas, mas o Marítimo, que somou o quarto jogo consecutivo sem vencer, ainda igualou aos 37, por Rodrigo Pinho.

 O Desportivo das Aves mantém o último lugar da prova, mas agora a apenas dois pontos do Portimonense, penúltimo classificado com 14, e a quatro do Paços de Ferreira, a primeira equipa acima da li-nha de despromoção, que foi aos Açores perder com o Santa Clara, por 2-1.

 Num duelo que estava inicialmente agendado para sábado, mas que foi adiado devido ao mau tempo, os açorianos regressaram aos triunfos em casa e somaram a segunda vitória seguida, graças a um ‘bis’ do avançado brasileiro Guilherme Schettine (48 e 80 minutos). Marco Baixinho, de grande penalidade, aos 90+1 minutos, reduziu.

 Com alguma surpresa, o Moreirense protagonizou uma das goleadas da atual edição da I Liga, ao vencer em Barcelos o Gil Vicente, por 5-1.

 A equipa de Moreira de Cónegos, que vinha de três derrotas e um empate, chegou ao intervalo com uma vantagem de dois golos, após os tentos de Filipe Soares, aos cinco minutos, e de Gabrielzinho, aos 21, tendo Fábio Abreu (52), Filipe Soares (68) e Pedro Nuno (77), chegado a colocar o resultado em 5-0, com Lino, aos 80, a marcar o golo de ‘honra’ gilista.

 Ainda ontem, no Bessa, o Vitória de Guimarães vai tentar aproximar-se do sexto lugar do campeonato, frente a um Boavista que procura ficar ainda mais longe da zona de despromoção.

 Nesta ronda, o líder Benfica venceu o Belenenses SAD, por 3-2, e manteve os sete pontos de vantagem sobre o FC Porto, segundo classificado, que foi ao Bonfim golear o Vitória de Setúbal, por 4-0.