Seleccionador feminino de futsal antevê dificuldades no apuramento para o Euro2021

0
68

  O selecionador feminino de futsal, Luís Conceição, espera dificuldades frente a Eslovénia, Polónia e Croácia, adversários que vão estar no caminho do vice-campeão Portugal, na fase de apuramento para o Europeu de 2021.

  Em declarações reproduzidas pelo site da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), o técnico fez a análise às três equipas conhecidas no sorteio de Nyon, que vão enfrentar Portugal entre os dias 1 e 6 de Setembro.

  “Tivémos a oportunidade de defrontar a Eslovénia em dois jogos que fizémos no Funchal, em 2018. Ganhámos as duas partidas, mas constatámos que é uma equipa em crescimento e que nos pode criar problemas em contra-ataque”, recordou Luís Conceição.

  Sobre a Polónia, o seleccionador referiu que “é um conjunto rotinado e com um bom entrosamento”, considerando que é um opoente ainda para “estudar”.

 Por fim, falou da anfitriã Croácia, uma equipa que nunca se cruzou no caminho luso, mas que “é capaz de surpreender”.

  “A Croácia também nunca surgiu no nosso caminho, mas é uma equipa capaz de surpreender. Provou-o na qualificação para o último Europeu de futsal feminino, pois esteve na luta para se qualificar até ao fim. Uma jogadora da Croácia [Tomislava Matijeviç] terminou a qualificação na lista das marcadoras, com seis golos”, finalizou.

 Portugal discutirá o apuramento no grupo 2, cujo anfitrião será a Croácia.

  De cada um dos quatro grupos apenas o vencedor se apurará para a fase final, que decorrerá entre 11 e 14 de fevereiro de 2021.

  A Espanha, campeã em título, discutirá o apuramento no grupo D, com a Itália, a Suécia, e uma seleção proveniente da ronda preliminar.