SATA tem uma dívida de 179 milhões de euros

0
114
SATA tem uma dívida de 179 milhões de euros

O presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro, disse que "aquilo que interessa neste momento" é o futuro da SATA, não o passado, e acusou o PSD de divulgar informação confidencial da empresa na internet.

O presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro, disse que "aquilo que interessa neste momento" é o futuro da SATA, não o passado, e acusou o PSD de divulgar informação confidencial da empresa na internet.

 "Estamos firmes e convictos ao lado da SATA para vencer os desafios do futuro. Do futuro, é isso que interessa neste momento, na perspectiva do Governo [Regional]", afirmou.

 O presidente do executivo socialista dos Açores falava durante um debate de urgência sobre a situação da transportadora aérea da região, pedido pelo CDS-PP, depois de ter sido conhecido o plano de desenvolvimento estratégico da SATA até 2020. O documento assume a situação de "deterioração financeira" da empresa, que tem uma dívida de 179 milhões de euros, vai reduzir frotas e custos e abandonar rotas deficitárias para a Europa.

 "O plano que foi apresentado a esta câmara não é um plano definido em função do passado, é um plano para responder aos desafios do futuro", sublinhou Vasco Cordeiro por diversas vezes, dizendo que os "tempos mudaram" e a SATA passará em breve de uma situação de "relativo monopólio" para um ambiente de concorrência.

 O Governo Regional e a SATA "estão a trabalhar para ajudar a empresa a enfrentar e a vencer o futuro", enquanto os partidos da oposição estão de "olhos postos no passado", lamentou, depois de ter ouvido que a comissão parlamentar de inquérito sobre a situa-ção da empresa anunciada pelo PSD será subscrita por toda a oposição.