Reunião preparatória do “Dia de Portugal” em Pretória

0
49
Reunião preparatória do “Dia de Portugal” em Pretória

Para preparar o programa dos festejos do “Dia de Portu-gal” na cidade de Pretória, foi efectuada na noite da penúltima quinta-feira, 21 de Abril, na nossa embaixada, mais uma reunião, a que estiveram presentes a dra. Ana e Brito Maneira, o coordenador das comemorações e presidente da Casa Social da Madeira, Samuel da Silva; o comenda-dor Estêvão Rosa pela Uni-versidade Sénior Boa Espe-rança; o comendador Ivo de Sousa pela igreja de Santa Maria; Américo Pimentel pela ACPP; Paula de Castro pelos Lusíadas, Manuela Calado pela Liga da Mulher Portugue-sa; Lino Faria pela Casa do Benfica; e Tony Oliveira pela Academia do Bacalhau desta mesma cidade.

 A condução da reunião este-ve a cargo do coordenador Samuel da Silva, que come-çando por se referir aos temas abordados na anterior, para assim os que a ela não assistiram, ficarem a saber do que ali fora tratado, e nesta última alinhavar o conteúdo de anúncios publicitários a incluir na brochura que está a ser pre-parada para nela ser incluído o programa das comemora-ções, e nesta última com maior número de presenças, analisarem-se mais algumas das actividades em dúvida para a efeméride, mormente o torneio de futebol que já se tornara tradição nestas come-morações, e por razões apresentadas na anterior pela pre-sidente do Marítimo, Ana a Maria Furriel, pessoa indicada para organizar o quadrangular alegar não lhe ser possível a realização dessa prova futebolística, ficando o presidente da ACPP Américo Pimentel tentar resolver o problema, sem contudo garantir que o viria a conseguir:

 Outra festa que parece comprometida, ao que consta por falta de festeiros para a organizar, é a de Santo António, na igreja de Santa Maria a 12 de Junho, onde seriam encerradas as comemorações, es-tando contudo a evidenciarem-se todos os esforços no intuito de poder ser ultrapassado esse impasse.

 Em princípio ficaram assen-tes as datas previstas para estas comemorações, ou sejam, a sua abertura a 26 de Maio pela Academia do Bacalhau, com almoço no Continental Restaurante da ACPP; prosseguindo os festejos a 28 de Maio, com programa cultural e cocktail às 11 horas na Liga da Mulher Por-tuguesa em conjunto com a universidade Sénior Boa Es-perança, e às 13 horas na Ca-sa do Benfica, com almoço de confraternização; a 29 de Maio pelos Lusíadas no salão de festas da igreja de Santa Maria, com almoço de convívio pelas 13 horas; a 4 de Junho jantar de gala n a Casa Social da Madeira, organizado em colaboração com o Club Sport Marítimo; para a 9 de Junho ser disputado o torneio de golfe intitulado “Dia de Por-tugal”, organizado pela ACPP, a disputar no Pretória West Golf Club.

 O programa para 10 de Ju-nho, dia principal das come-morações, está assim elaborado:

 Às 9 horas missa na igreja de Santa Maria em memória de todos os portugueses falecidos na África do Sul, seguida de homenagem póstuma com colocação de placa a Calden Zane Cunha, no jardim de lembranças dessa mesma igreja católica de Pretória West, e a seguir romagem ao monumento evocativo a Bar-tolomeu Dias, para deposição de coroa de flores e palestra alusiva ao acto, actividades cívicas a cargo dos Lusíadas.

 Na ACP de Pretória às 19h00 jantar de gala, como anualmente se vem repetindo no seu salão nobre, e caso não se venha a realizar a festa prevista para 12 de Junho, encerramento dos festejos, a que estarão presentes entidades oficiais.

 Recorda-se que a homenagem póstuma a Calden Zone Cunha, é quanto a nós mais que justa, atendendo às circunstâncias que estiveram na origem de tão triste ocorrência, que viria a vitimar mortalmente este jovem luso-sul-africano aos 21 anos de idade, a 11 de Dezembro último em Irene de Centuriom, na altura descrito por este jornal, nestes termos:

 Ao ouvir uns tiros à saída do Railway Café, por volta da meia-noite de sexta-feira, des-se mês de Dezembro, Calden foi logo a correr ao local para acudir às duas amigas que estavam consigo, e se tinham deslocado ao seu carro, e se-gundo fonte familiar na altura, o jovem conseguiu afastar um dos meliantes que atacava uma dessas suas amigas, sendo nesse instante baleado, com um dos tiros a atingi-lo no pescoço, e caindo de imediato, viria a falecer minutos mais tarde, pondo-se os dois agressores em fuga, sem levar qualquer objecto pessoal.

 Calden Cunha um jovem que na flor da idade tinha acabado de concluir o segundo ano do curso de engenharia mecânica, na Universidade “Takies”, em Pretória, preparava-se para iniciar as férias de verão, mas que infelizmente já não chegou a gozar.

A próxima reunião ficou marcada para as 19h00, do dia 10 de Maio, novamente na nossa embaixada.