Portugal é vice-campeão europeu de sub-21 depois de perder a final com a Suécia nos penáltis

0
96
Portugal é vice-campeão europeu de sub-21 depois de perder a final com a Suécia nos penáltis

A selecção portuguesa de futebol de sub-21 perdeu na terça-feira a final do Europeu da categoria, ao cair por 4-3 face à Suécia, nas grandes penalidades, após 120 minutos sem golos, no Estádio Eden, em Praga.

  No desempate, José Sá ainda deteve o quarto pontapé dos suecos, marcado por Khalili, imediatamente depois de Ricardo Esgaio falhar, mas, com 4-3, no último remate, William Carvalho também permitiu a defesa a Carlgren.

  Na campanha do Euro2015, Portugal não sofreu qualquer derrota, terminando com 12 vitórias e três empates (36-11 em golos), sendo que, pela primeira vez na sua história, concluiu a qualificação só com vitórias (10).

  Portugal perdeu , assim, a sua quarta final futebolística consecutiva, colocando em 50 por cento o balanço em finais.

  Depois da conquista do Europeu de sub-17 em Viseu, num trajeto culminado com um 2-1 à Espanha, as selecções lusas perderam consecutivamente as finais do Europeu sub-19 (2003), do Euro2004 e do Mundial de sub-20 de 2011.

  A Itália foi a ‘carrasca’ em 2003, vencendo por 2-0 no Liechtesntein, a Grécia em 2004, em pleno Estádio da Luz, e o Brasil em 2011, ao vencer por 3-2 após prolon-gamento, na Colômbia, com um ‘hat-trick’ de Óscar.

  Terça-feira, na busca do primeiro cetro europeu de sub-21, depois da derrota na final de 1994, então por culpa de um ‘golo de ouro’ do italiano Pierluigi Orlandini, Portugal caiu nos penáltis – falharam Ricardo Es-gaio e William Carvalho.

  Portugal tem agora um saldo de 10 títulos arrebatados e 10 perdidos em 20 finais, sendo que, em grandes penalidades, ficou a perder por 3-2.

  No total dos 20 encontros, e como o desempate por grandes penalidades não ‘valerem’, Portugal tem um saldo positivo, com oito vitórias, cinco empates e sete derrotas, com 23 golos marcados e 17 sofridos.