Porto de Luanda absorve cerca de 80% da carga importada por Angola

0
55
Porto de Luanda absorve cerca de 80% da carga importada por Angola

O porto de Luanda absorveu 77,8% da carga total importada por Angola no primeiro trimestre de 2017, de acordo com dados do relatório de actividade do Conselho Nacional de Carregadores (CNC), citados pela agência noticiosa Angop.

 O porto da capital foi ainda responsável por 99,3% dos 1624 veículos automóveis entrados por via marítima no período de três meses, que viu uma quebra homóloga de 19,52% no número de viaturas importadas.

 O maior importador no primeiro trimestre foi a empresa Cimangola, que adquiriu no estrangeiro 132,8 mil tonela-das de clínquer (8,76% da carga total), menos 70,6 mil toneladas do que um ano antes.

 A Companhia de Bioenergia de Angola (5,16% da carga total) e a Cimenfort Industrial (3,9%) são as empresas que ficaram na segunda e terceira posição, respectivamente.

 Os países como Tailândia (13,3%), Portugal (13%) e Brasil (12,2%) constituíram os principais mercados de exportações marítimas para Angola, durante o primeiro trimestre de 2017/2016, tendo a China ocupado a quarta posição.

 No que se refere à exportação de produtos angolanos o porto do Namibe liderou com 73,15% da carga total, seguido pelos portos do Soyo (12,8%) e Luanda (10,16%).

 O granito e outras pedras de cantaria, com representatividade de 52,9%, a madeira em bruto (8,11%) e a farinha de peixe (5,47%) foram os principais produtos exportados por Angola durante o período em análise.