Moçambique e China assinam em Pequim uma dezena de acordos de cooperação

0
62
Moçambique e China assinam em Pequim uma dezena de acordos de cooperação

Moçambique e China assinam em Pequim uma dezena de acordos de cooperaçãoMoçambique e a China assinaram em Pequim mais de dez acordos de cooperação, memorandos e trocas de notas, nas áreas financeira, económica, técnica e social, na sequência da visita de Estado que o Presidente Armando Guebuza.

De acordo com o diário estatal Notícias, de Maputo, que cita fontes diplomáticas, as partes rubricaram um acordo referente à cooperação técnica e económica no valor de cerca de 7,6 milhões de dólares, acordoquadro sobre cooperação financeira com o Banco de Desenvolvimento da China (CDB), cujo montante não foi revelado, para além de um acordoquadro sobre cooperação no domínio das Pequenas e Médias Empresas.

 Foram ainda assinados memorandos de entendimento com a China Kingho Group para a construção de uma infra-estrutura portuária na província de Sofala e uma linha férrea, um outro com o Centro Internacional Chinês de Redução da Pobreza.

 Parte destes acordos servirá de suporte para o estabelecimento do Centro Kingho sino-moçambicano para cooperação na redução da pobreza.
 Os dois países ainda trocaram notas que prevêem o envio de técnicos para Moçambique a fim de avaliarem a construção e renovação de cinco escolas e uma equipa que vai realizar estudos para a construção da fábrica de reparação dos autocarros recentemente doados a Moçam-bique, bem como uma nota para a implantação de dois projectos de furos de água e uma outra para dois projectos de biogás.

O actual volume de investimentos chinês em Moçambique atingiu 607 milhões de dólares em 2010, prevendo-se agora um crescimento devido ao aumento dos níveis de cooperação mútua.