Ministro garante que despesa com reformas é a prevista no Orçamento do Estado

0
51
Ministro garante que despesa com reformas é a prevista no Orçamento do Estado

Ministro garante que despesa com reformas é a prevista no Orçamento do EstadoO ministro da Solidariedade e da Segurança Social, Pedro Mota Soares, garantiu que não há “nenhum aumento” sobre a despesa com reformas “face ao que estava previsto” no Orçamento do Estado (OE).

 “O que estamos a fazer é a cumprir o OE e, nesse sentido, não há nenhum aumento face ao que estava previsto no OE”, afirmou o ministro.
 Pedro Mota Soares falava em Campo Maior, durante uma visita às Festas do Povo, onde foi questionado sobre uma notícia publicada no jornal Correio da Manhã, que titula “Gasto com reformas dispara 470 milhões”.

 Segundo o jornal, “o elevado desemprego está a exercer uma pressão financeira cada vez maior sobre a despesa com pensões”, estando estes encargos a “crescer a um ritmo mais elevado do que as receitas das contribuições dos trabalhadores no activo”.
 Sobre este assunto, o ministro da Solidariedade e da Segurança Social limitou-se a explicar que os gastos com as reformas estão “dentro do orçamento”.
 “O que nós estamos é a fazer uma execução orçamental controlada e, portanto, não significa um aumento face àquilo que tínhamos previsto no orçamento”, disse.

 O governante fez questão de visitar as Festas do Povo de Campo Maior, organizadas pela própria população.
 “Numa altura de algumas dificuldades do ponto de vista nacional é importante também mostrarmos as redes solidárias que existem no país. Estas festas são festas do povo, feitas pelas pessoas, numa enorme demonstração de solidariedade”, destacou Pedro Mota Soares.