Marítimo confirma saída do treinador Petit

0
52

 O presidente do Marítimo, Carlos Pereira, confirmou na quinta-feira a saída do treinador Petit do clube madeirense, que terminou no 11.º lugar da I Liga portuguesa de futebol na época 2018/19, e prometeu anunciar o sucessor na próxima semana.

 “Quase todos os sócios querem golos e pontos e, quando não aparecem, entra a insatisfação que temos de compreender. O primeiro a querer ganhar é sempre o presidente. Depois, o treinador, porque quando não há resultados, não se pode substituir 11 [jogadores], acabamos sempre por substituir a equipa técnica, que é mais reduzida e que paga sempre a primeira fatura, porque também é a primeira responsável pelo insucesso”, afirmou o dirigente, em declarações no programa ‘Marítimo na TSF’.

 Com Petit no comando técnico, o emblema madeirense conseguiu a ma-nutenção, mas falhou a meta dos 40 pontos, pois ficou com 39, no 11.º lu-gar, tendo perdido os últimos dois encontros.

 Na Gala do Marítimo 2019, Carlos Pereira já tinha admitido aos jornalistas ter ficado “extremamente zangado” pelo facto de a equipa não ter chegado aos 40 pontos e garantiu que a culpa não iria “morrer solteira”, acrescentando que ainda não tinha definido o futuro com o técnico, ainda com um ano de opção no contrato.

 O antigo internacional português chegou ao Marítimo no final de Novem-bro de 2018, para substituir Cláudio Braga, e terminou a temporada com um registo de nove vitórias, dois empates e 14 derrotas, em 25 jogos.