Macau quer ajudar Angola a diversificar economia

0
56

O governo da Região Administrativa Especial de Macau manifestou a sua total disponibilidade em reforçar a parceria existente entre Macau e Angola, para ajudar no processo de diversificação económica em curso no país, informou em comunicado a Embaixada de Angola na China.

 Esse apoio das autoridades de Macau em ajudar o processo de diversificação da economia angolana foi dado durante um encontro realizado recentemente entre o embaixador angolano na China, João Garcia Bires e o Chefe do Executivo daquela região especial chinesa, Chui Sai On.

 Na reunião, realizada em Macau, as partes discutiram o reforço da cooperação e intercâmbio, no âmbito do desenvolvimento de Macau como plataforma de negócios e cooperação entre a China e os países de língua portuguesa, de acordo com uma nota da embaixada angolana citada quinta-feira pela agência noticiosa Angop.

 Garcia Bires, que se fez acompanhar da cônsul-geral de Angola em Macau, Sofia Pegado e do conselheiro da embaixada de Angola em Pequim, Virgilio Zulumongo, agradeceu a disponibilidade do governo de Macau nesta altura em que o governo an-golano está apostado em atrair investimentos estrangeiro para o país, para fomentar a diversificaçao da actividade económica.

 O chefe do Executivo de Macau falou da importância de melhorar o relacionamento entre as partes e convidou, por outro lado, Angola a juntar-se à iniciativa “ Uma Faixa, uma Rota” proposta pelo Presidente chinês Xi Jinping em 2013 e que busca fortalecer os laços economicos entre Ásia, África e Europa com investimento de milhares de milhões de dólares em infra-estruturas.