Jovem brasileiro morreu a bordo com estomâgo cheio de cocaína

0
66
Jovem brasileiro morreu a bordo com estomâgo cheio de cocaína

O jovem brasileiro que morreu no penúltimo domingo a bordo de um avião que fazia a ligação entre Lisboa e Dublin foi vítima do rebentamento de uma de dezenas de cápsulas de droga que transportava no estômago, confirmou a autópsia, segundo o jornal Irish Times.

 O homem, identificado pelo jornal como John Kennedy Santos Gurjão, cidadão brasileiro, tinha ingerido cerca de 800 gramas, provavelmente de cocaína, distribuídas por 80 cápsulas, umas das quais rebentou.

 Os exames toxicológicos irão confirmar se a substância que transportava era cocaína.

 A polícia irlandesa (Gardaí) contactou com as congéneres portuguesa e brasileira para tentar reconstituir os movimentos de John Gurjao, 25 anos.

 O homem terá começado a dar sinais de inquietação e chegou a ficar agressivo, tendo mesmo mordido um passageiro, após o que foi imobilizado pela tripulação.

 O óbito ocorreu a bordo do Airbus A320 da transportadora Aer Lingus que partira de Lisboa para Dublin e foi forçado a fazer uma aterragem de emergência em Cork, no Sul da Irlanda.

 A polícia irlandesa confirmou na segunda-feira a detenção de uma passageira com pas-saporte angolano que seguia no mesmo voo, a qual transportaria 1,8 quilogramas de anfetaminas na mala.