José Contente sucede a José Manuel Sampaio como presidente da Academia do Bacalhau de Joanesburgo

0
30
José Contente sucede a José Manuel Sampaio como presidente da Academia do Bacalhau de Joanesburgo

Durante o almoço semanal realizado na passada quinta-feira, a Academia do Bacalhau de Joanesburgo efectuou a sua assembleia geral, em que foi eleito presidente desta tertúlia, o compadre José Contente, vice-presidente cessante, que sucede na liderança a José Manuel Sampaio.

 O compadre honorário Victor Salazar revelou o balancete, que foi aprovado por unanimidade.

 O presidente cessante José Manuel Sampaio deu início ao almoço com o habitual gavião de penacho, tendo em seguida anunciado a presença de três convidados, sendo eles o vice-presidente do Red Skins, Johnny de Jesus e o seu sogro e sócio Victor Collins, convidados pelo compadre Manny Sampaio, e Mário Maia, convidado pelo compadre  Pedro Teixeira.

 Sampaio agradeceu a presença da presidente da So-ciedade Portuguesa de Beneficência, Isabel Policarpo, do presidente do Board of Trustees da SPB, Gilberto Martins e a estimada presença do presidente honorário Adriano Leão.

 Prosseguiu agradecendo a presença das cerca de 70 pessoas – um número recorde em assembleias gerais –  que ali se juntaram neste almoço eleitoral, tendo o presidente cessante dito que não tinha a certeza se este número recorde de pessoas era para correrem com ele da presidência ou para o felicitarem pelo seu trabalho.

 Em seguida, foi nomeado carrasco do almoço o compadre Paulo Mariano, tendo o presidente dito: “Já que o compadre Paulo Mariano é sempre castigado, hoje vai ser ele o castigador”.

 Após o almoço, o tesoureiro compadre honorário Victor Salazar apresentou os resultados financeiros desde o dia 1/2/2014 a 31/1/2015, os quais passamos a referir:

 Saldo do exercicio anterior era de R 395.996.54.

 Receitas angariadas pela Direcção foram R 798.834.28, totalizando R 1.194.830.82.

 Os donativos e despesas ascenderam a R920.226.32, ficando um saldo positivo no banco de R274.604.56.

 De realçar que  o montante dos donativos entregues a várias intituições de caridade foram  de R 624.967.15, um novo recorde, que foi bastante aplaudido por todos presentes.

 O presidente honorário, Adriano Leão, durante a sua intervenção, agradeceu o cartão de compadre do seu neto Nico, actualmente na Austrália, que lhe foi entregue nesse dia, congratulando em seguida o tesoureiro da Academia, compadre honorário Victor Salazar, pelo seu bom trabalho, com um gavião de penacho.

 Entretanto, chegou o momento das eleições, com a nomeação do compadre vice-presidente José Contente para o cargo de presidente da Academia do Bacalhau de Joanesburgo.

 O presidente cessante José Manuel Sampaio deu as boas vindas ao novo presidente eleito José Contente, entregando-lhe o badalo, como acto de passagem de testemunho.

 Em seguida o compadre José Manuel Sampaio, disse:

 “Gostava de iniciar a minha intervenção com um gavião de penacho ao compadre presidente honorário das Academias, Durval de Marques, ao compadre presidente honorário Adriano Leão, e fico muito contente de o ver bem de saúde e a toda a minha Direcção durante estes dois últimos anos de trabalho – compadre honorário Victor Salazar, compadre honorário Vasco de Abreu, compadres José Contente, Pedro Silva, Paulo Mariano, José Luis Rodrigues, João Carreira, José Vieira Pereira, Miguel Coelho, Rui Afonso, Luis Ferreira, Fernando Vale e a todos aqueles que colaboraram com esta Academia durante a minha presidência.

 Durante os últimos quatro anos, dois como vice-presidente e outros dois como presidente desta tertúlia, tive o prazer de fazer muitos amigos entre os compadres, não só desta tertúlia, mas também de várias Academias espalhadas pelo mundo.

 Gostaria de realçar momentos durante o meu reinado, com bastante relevo e dignos de serem registados:

 A vitória de reestabelecer os laços entre a Academia de Bacalhau de Joanesburgo e a Sociedade Portuguesa de Beneficência. Vejo agora um futuro muito próspero entre a Academia mãe e o Lar de Santa Isabel.

  A formação da Academia Juventude. Esta, embora inicialmente tenha tido certas dificuldades em se estabelecer, esperamos que este ano tenham bons resultados para exemplo das outras Academias na diáspora.

 A ligação entre a Academia do Bacalhau e o Luso-ciclismo continua cada vez mais forte. A comissão do ciclismo já está a preparar uma corrida a Durban, duas semanas antes do Congresso.

 O recomeço dos congressos regionais, a fim de manter as tertúlias activas e com vigor.

 A documentação formal das nossas normas, que tiveram grande sucesso no nosso congresso em New Jersey. Para o futuro  das Academias, é imperativo que as Normas sejam formalizadas.

 Ficou muito trabalho por fazer, mas estou certo que a nova equipa de dirigentes, vai continuar com os projectos que iniciámos.

 Este ano o Congresso anual das Academias realiza-se em Durban, por isso temos uma obrigação como compadres da Academia Mãe, estarmos lá presentes, nos fins de Ou-tubro.

 Também ficou por se formar um Secretariado, com escritórios dignos de controlar as 55 Academias, que necessitam do nosso apoio.

 Ao meu sucessor, desejo-lhe um reinado cheio de sucessos e alegria, e prometo desde já todo o meu apoio.”

 José Manuel Sampaio não se esqueceu de mencionar duas pessoas que muito têm contribuido para esta instituição de bem fazer, o delegado do Banco BIC na África do Sul, Jorge Simons, e Pedro Silva, do Wanderers Restaurante.

 Depois do protocolo da entrega do badalo ao novo presidente José Contente pelo presidente cessante José Manuel Sampaio, Contente afirmou:

 “O meu amigo compadre Manny Sampaio foi um excelente presidente atingindo metas não antes alcançadas, e para mim é com muito orgulho que o substituto. Vou precisar da continuação da vossa ajuda, para podermos conseguir melhores resultados, ou pelo menos os mesmos. Vamos olhar para o futuro, não es-quecendo o passado”.