Ilusionista português actua no West End de Londres

0
104
Ilusionista português actua no West End de Londres

Luís de Matos assume ser "muito especial" participar num espectáculo de magia em Londres, onde faz desaparecer um automóvel desportivo de tonelada e meia, avaliado em 36 mil euros.

 

 "Actuar no West End de Londres está na lista de desejos de qualquer criador e artista sério", afirmou o ilusionista português.

 Luís de Matos é um dos protagonistas do espectáculo "Impossible" ("Impossível"), no West End, o bairro dos teatros musicais, em Londres, tendo feito a estreia na sala Noel Coward, ficando em cena até 29 de Agosto.

 Promovido como "o maior espectáculo de magia das últimas décadas", tem números de ilusionismo, escapismo, truques com recurso a tecnologia e outros feitos sem qualquer recurso senão a técnicas simples de prestidigitação, reúne, no mesmo palco, pela primeira vez, Jonathan Goodwin,  Chris Cox, Katherine Mills, Ben Hart, Jamie Allan, Magical Bones, Ali Cook, além de Luís de Matos.

 "Ao longo dos anos fui abençoado e privilegiado por poder atuar em palcos prestigiados em todo o mundo, desde a Opera de Sydney ao Caesear’s Palace [Las Vegas], incluindo o London Palladium. Porém, uma série de cinco semanas como esta, no coração do mais prestigiado bairro de teatro do mundo, é algo que só posso abraçar com imenso orgulho e alegria", acrescentou Luís de Matos.

Luís de Matos vinca que este projecto surge numa altura em que a sua "maturidade artística" é suficiente para enfrentar o desafio e também a responsabilidade de congregar um grupo de artistas, que descreveu como "todos mundo diferentes e muito bons".