Grupo português vai construir aproveitamentos hidroeléctricos em Angola

0
59
hidroeléctricos em Angola

hidroeléctricos em AngolaTrês aproveitamentos hidro-eléctricos com uma produção estimada em 120 mega watts vão começar a ser construídas, em breve, na província da Lunda Norte, anunciou em Luanda o presidente do grupo empresarial português Escom.

À margem da assinatura do contrato de investimento da fábrica de cimento “Palanca Cimentos”, a ser construída no município do Lobito, província de Benguela, Hélder Bataglia disse que a construção das três barragens está orçamentada em mais de 400 milhões de dólares.
 O presidente da Escom disse ainda que a construção dos três aproveitamentos hidro-eléctricos permitirá aumentar a oferta de energia na região leste de Angola e facilitará o surgimento de vários projectos industriais, como as fábricas de cimento.
 Bataglia informou também que o projecto já foi aprovado em Conselho de Ministros encontrando-se agora na fase inicial da sua execução