Golo solitário de Anderson Polga qualifica Sporting e confirma primeiro lugar da equipa no Grupo

0
62
Golo solitário de Anderson Polga

Golo solitário de Anderson Polga O Sporting garantiu, finalmente, a passagem aos 16 avos de final da Liga Europa de futebol com um triunfo sem brilho sobre o Lille, por 1-0, na quinta jornada do Grupo C.

 Os “leões”, que já podiam ter alcançado tal feito na última ronda, no campo do Gent (derrota por 3-1), fizéram uma exibição descolorida, mas suficiente para seguir em frente na prova, naquela que foi a 100.ª vitória do clube nas competições europeias.
 No Estádio de Alvalade, o defesa brasileiro Anderson Polga marcou o único tento da partida, aos 28 minutos, e ajudou a sua equipa a garantir também o primeiro lugar do Grupo C, com 12 pontos.
 O Sporting tem que agradecer a Rui Patrício e ao seu poste direito que, miraculosamente, impediram que o Lille, segundo classificado do campeonato francês, alcançasse o empate.

 Com pouco público em Alvalade, o brasileiro Tulio esteve perto de ainda gelar mais as bancadas “leoninas” quando, em boa posição, atirou à figura de Rui Patrício, naquele que foi o único lance de registo dos franceses na primeira parte.
 A partir daí, o Sporting, mesmo sem deslumbrar, pegou na partida e Anderson Polga deu o primeiro aviso com um cabeceamento à barra, na sequência de um canto, aos 13 minutos.
 O defesa brasileiro, pouco habituado a fazer o gosto ao pé, voltaria a subir no terreno aos 28 minutos e aí conseguiu mesmo marcar, outra vez no seguimento de um canto, num lance com muitas culpas para a defesa do Lille.

 À semelhança do encontro frente ao FC Porto, a equipa “leonina” regressou do intervalo mais “tímida”, oferecendo o controlo da partida ao Lille e apostando em jogadas de contra-ataque, mas quase sempre sem sucesso.
 Os franceses apareceram mais atrevidos, com o metro e 93 de Túlio a dar muito trabalho a Polga e Carriço, mas sempre sem conseguir acertar na baliza de Patrício.
  Até ao final, o Lille arriscou mais no ataque, mas sempre sem acertar no alvo, enquanto o Sporting mostrou que tem urgentemente que melhorar a construção de jogadas de contra-ataque.

 Só Vukcevic, já em tempo de descontos, criou algum perigo, com um livre do meio da rua, que ainda embateu na barra da baliza de Landreau.

FICHA DE JOGO
 Encontro no Estádio José Alvalade, em Lisboa.
 Resultado:
 Sporting – Lille, 1-0.
 Ao intervalo: 1-0.
  1-0, Anderson Polga, 28 minutos.
 Equipas:
Sporting: Rui Patrício, João Pereira, Daniel Carriço, Anderson Polga, Evaldo, Pedro Mendes, Maniche ( Zapater, 90), André Santos, Yannick Djaló (Jaime Valdés, 62), Hélder Postiga (Simon Vukcevic, 79) e Liedson.
 Lille: Mickael Landreau, Franck Béria, Aurélien Che-djou, David Rozehnal, Emer-son, Rio Mavuba, Idrissa Gueye (Pierre-Alain Frau, 62), Florent Balmont (Yohan Cabaye, 77), Eden Hazard (Moussa Sow, 71), Túlio de Melo e Ludivic Obraniak.
Árbitro: Hendrikus Bas Nijhuis (Holanda).
 Ação disciplinar: cartão amarelo para Hélder Postiga (24), Mickael Landreau (28), Túlio de Melo (28), Anderson Polga (39), João Pereira (41) e David Rozehnal (63).
 Assistência: 16 569 espectadores.