Foi positivo o primeiro convívio organizado pela nova Direcção da Academia do Bacalhau de Pretória

0
106
Foi positivo o primeiro convívio organizado pela nova Direcção da Academia do Bacalhau de Pretória

Foi concorrido e lucrativo o primeiro almoço mensal da Academia do Bacalhau de Pretória, a cargo da nova Direcção, que tem como presidente Tony Oliveira, vice-pre-sidentes Lino Faria e João Serradinho, secretário Carlos Calado, tesoureiros Manuel Bento Teixeira e Emanuel Correia, e relações públicas Estêvão Baptista Rosa, realizado no Strydfontein Family Restaurante, em President Steyn Street, de Pretória North, onde os convívios vêm decorrendo desde 2009, nele participando entre as cerca de 30 presenças, o Frei Gilberto Teixeira e os comendadores Estêvão Rosa, Ivo de Sousa e Silvério Silva, e o grande oficial da ordem de mérito Manuel José.

Depois dos agradecimentos à presença de cada um ali nessa tarde, passando de seguida à apresentação do elenco que consigo irá trabalhar neste seu primeiro mandato à frente desta Academia, Tony Oliveira afirmou convicto ir tentar o melhor ao seu alcance para que esta Academia que agora dirige possa seguir em frente, se possível com o mesmo sucesso e determinação das anteriores direcções, a todos os que o ouviam pedindo com esse objectivo para continuarem a apoia-la, comparecendo aos convívios e outras actividades que se forem realizando, mostrando-se a propósito satisfeito com o número de convivas presentes neste almoço, onde aproveitou para elogiar a qualidade da comida que nessa tarde ali foi servida, deixando antever continuarem a ser ali realizados, mensalmente ou alternados, conforme venha a ser determinado.

 Apelando à união na comunidade na tentativa de sermos cada vez mais compreensivos e tolerantes, na certeza de que com isso todos beneficiarem, uma vez que a união faz a força, Tony Oliveira procedeu de seguida ao leilão do whisky oferecido por Yvonne Pestana, Ivo de Sousa e Albertino de Abreu, mostrando-se grato aos que colaboraram no suporte das despesas neste almoço, Emanuel Correia, Albertino de Abreu e Manny Pestana, dando de seguida a palavra ao compadre Silvério Silva, ali nomeado “carrasco” para aplicação das multas da praxe.

 Começando por manifestar a sua satisfação, por um lado poder conviver com os compadres de Pretória, e por outro em saber, – segundo Ivo de Sousa pouco antes ali dera conhecimento ter sido convidado para vice-presidente da Academia Mãe em Joanes-burgo, a quem aproveitou para o felicitar e desejar em espírito de um bom mandato-, Silvério Silva desejou a Tony Oliveira um trabalho honesto, e que nestas suas novas funções seguindo em objectivo as normas das Academias, em que como ali lembrou não se pode falar nem de política, nem de religião, tenha sempre a colaboração dos compadres e comadres, e o sucesso que deseja.

 Neste leilão foram angariados mais alguns fundos, que a juntar à colecta do almoço, poderão servir para ajudar casos de extrema necessidade na comunidade, ou auxiliar instituições ligadas à solidariedade social.