FMI prevê que Moçambique venha a tornar-se uma das maiores economias de África

0
51
FMI prevê que Moçambique venha a tornar-se uma das maiores economias de África

Moçambique poderá tornar-se em 2028 uma das maiores economias de África quando a produção do gás natural descoberto no norte do país atingir o pico, escreve o Fundo Monetário Internacional (FMI) num relatório recente.

 Segundo o FMI a economia de Moçambique crescerá 24% entre 2012 e 2025 antes de cair para os 3 a 4 por cento em 2028.

 O Fundo Monetário Internacional (FMI) considera que em meados da próxima década metade do PIB de Moçambique virá do gás natural, mas recomenda, no entanto, uma abordagem cautelosa dada a sensibilidade do sector às condições internacionais.

 Em 2010, Moçambique descobriu na bacia do rio Rovuma, na província de Cabo Delgado, no norte do país, 180 biliões de metros cúbicos de gás, o equivalente as reservas de gás de toda a Nigéria.

 O FMI considera ainda que Moçambique poderá ser o terceiro maior exportador mundial de gás, depois do Qatar e da Austrália, quando a produção atingir o pico.