Escola de Oprah Winfrey na África do Sul entrega os primeiros diplomas

0
107
Escola de Oprah Winfrey na África do Sul entrega os primeiros diplomas

A conhecida apresentadora de televisão norte-americana, Oprah Winfrey, atribuiu no sábado os primeiros 72 diplomas de bacharelato do liceu "Leadership Academy for Girls", que fundou na África do Sul, em Henley-on-Klip, a Sul de Joanesburgo .

 Uma prova de fé na capacidade das sul-africanas em “serem capazes de conseguir sair do ciclo vicioso da pobreza em que vivem”, disse Oprah durante a cerimónia, acrescentado que "se há uma coisa que eu sei, é que a educação abre as portas à liberdade".
 A cerimónia foi organizada ao melhor estilo norte-americano, com grande aparato mediático, que contou com a presença de familiares, jornalistas, figuras públicas, e centenas de convidados.

 Num discurso aos presentes, que abriu a entrega dos diplomas às alunas, Oprah afirmou que “o nosso trabalho aqui é fabricar líderes, criar as condições para que estas meninas possam passar a utilizar o cérebro, em vez de usarem simplesmente os seus corpos da barriga para baixo”, disse.
 A apresentadora norte-americana afirmou ainda que "é as-sim que se acaba com a pobreza, e esta escola serve para mostrar à África do Sul que, se investir na formação de líderes, os benefícios acabarão por ser colhidos pelas populações e pelo próprio país".

 A oradora principal convidada foi Graça Machel, esposa do primeiro presidente da África do Sul, Nelson Mandela.
 A activista moçambicana, na sua intervenção, sublinhou o papel determinante que a educação de qualidade impri-me sobretudo na nova geração jovem, particularmente das raparigas, que serão as futuras líderes de amanhã.
 Algumas das jovens alunas vão ingressar em cursos superiores em universidades da RSA e dos Estados Unidos.