Enforce quer entrar no mercado moçambicano

0
63
Enforce quer entrar no mercado moçambicano

A Enforce vai investir 25 milhões de euros na construção de uma central fotovoltaica na Roménia, que deverá começar a produzir energia em 2013, enquanto estuda a entrada no mercado moçambicano e brasileiro.

 O investimento foi anunciado pela empresa de engenharia da energia com sede na Covilhã, que participa no projecto com 20 por cento de capital próprio.
 Os restantes 80 por cento foram obtidos através de financiamento da banca romena, depois de uma selecção entre cinco entidades bancárias daquele país.
 “Não há aqui qualquer apoio de fundos comunitários. O projecto vai pagar-se com a venda de electricidade à rede”, revela João Nuno Serra, presidente da Enforce.
 A central fotovoltaica a construir a partir de Maio nos arredores de Bucareste ocupará uma área de 20 hectares, gerando energia suficiente para abastecer três mil habitações.

 Em 2013 poderá estar a produzir cinco milhões de euros em energia, representando nessa altura metade da facturação da Enforce.
 João Nuno Serra assume que o investimento na Roménia é uma montra para projectos futuros.
 “O objectivo é criar a chamada sala de visita para a partir dali disseminar a tecnologia no mercado”, explica o presidente da Enforce.
 Graças às movimentações para a construção da central na Roménia, a Enforce já recebeu outros pedidos de potenciais clientes para projetos na área do fotovoltaico e assinou há dias um primeiro contrato com uma empresa local de comercialização de energia que detém uma fábrica de semicondutores.

 João Nuno Serra diz ainda que está em conversações com um outro grupo para o desenvolvimento de três centrais naquele país do leste europeu.
 A estratégia de internacionalização da Enforce continua em Agosto deste ano com a participação numa feira em Mo-çambique, com a qual pretende entrar no mercado africano.
Em estudo está ainda a entrada no mercado brasileiro através de uma colaboração com a Fluitecnik, a empresa instalada em Moura que fabrica os módulos solares utilizados pela Enforce.