Empresa de Graça Machel promove investimentos portugueses na África Austral

0
71
Graça Machel

Graça MachelA AICEP e o Whatan Investment Group, liderado por Graça Machel, assinaram um me-morando de entendimento para promover investimentos portugueses, tanto em Moçambique como nos restantes países da África Austral, anunciou a Agência para o Investimento portuguesa.

 No âmbito do memorando rubricado entre a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal e o grupo Whatana, liderado por Graça Machel, as duas instituições comprometem-se a colaborar, para prosseguir os objectivos que perfilham ao nível da contribuição para o desenvolvimento sustentável de Moçambique e desta região da África Austral.

 O documento reconhece igualmente que a este nível “os projectos de investimento portugueses poderão representar um papel determinante”.
 O grupo Whatana, que tem como presidente do conselho de administração Graça Machel, é uma entidade moçambicana de investimentos, criada em 2005, com interesses e participações nos mais diversos sectores, desde a logística, telecomunicações, banca, recursos minerais e energia.
 Além disso, desenvolve a sua actividade no quadro das estratégias de política económica definidas pelas autoridades de Moçambique e da região.
 Apesar de ter surgido em Moçambique, o grupo Whatana evidencia “uma postura global, na convicção de que, a longo prazo, o crescimento da economia local não poderá deixar de estar associado à obtenção de economias de escala”, refere em comunicado a AICEP.

 “A carteira de investimentos e participações do grupo Whatana privilegia os sectores com potencial de crescimento a médio e longo prazo e é seleccionada com o propósito de oferecer retornos excepcionais para os seus investidores e accionistas”, indica.
 Nos últimos anos, o grupo tem vindo a desenvolver um conjunto de parcerias e rela-ções fortes, em Moçambique e não só, com instituições pú-blicas e privadas.

 “Tudo isso faz do Whatana um parceiro preferencial para investir na SADC (Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral) “.
 A AICEP é a agência pública de natureza empresarial empenhada em desenvolver um ambiente de negócios competitivo que contribua para a globalização da economia portuguesa.

 Com a assinatura deste memorando, a AICEP “dá mais um passo no sentido de apoiar as empresas portuguesas que têm vindo a equacionar a expansão dos seus negócios e investimentos para os mercados da África Austral”, destaca o comunicado.