Desporto na Comunidade: Sporting dá a volta ao resultado e derrota o Bryston Warriors

0
47
Desporto na Comunidade: Sporting dá a volta ao resultado e derrota o Bryston Warriors

O Sporting de Joanesburgo na categoria de Reservas recebeu no seu recinto a aguerrida equipa de Bryston Warriors. O encontro principiou com uma toada de estudo mútuo, pois os dois agrupamentos não se queriam arriscar muito, e esperavam pela reacção do adversário.

 Nos primeiros quinze minutos da partida, jogou-se mais ao meio campo, pois as linhas defensivas avançaram e “seguravam” a bola no centro do terreno.
 A partir da meia hora de jogo a turma do Sporting começou a ganhar ascendente sobre o Bryston Warriors e teve a oportunidade de abrir o marcador.
 Os seus avançados ou por falta de sorte, não atinavam em acertar no alvo.
 Falharam golos certos. Também se pode afirmar que os visitantes recolheram no terreno e puseram todos os seus homens atrás da linha da bola, procurando segurar o empate.
 Disto se aproveitou a equipa da casa que se abalançou totalmente ao ataque, à procura do tal golo, que representaria os três pontos da peleja.
 O adversário, muito matreiro usando como arma o contra-ataque, aproveitou-se do adiantamento dos sportinguistas para aplicar a ferroada, ou seja um golo contra a corrente do jogo, que só foi possível porque a defensiva leonina descurou, aliás facilitou e os rapazes do Bryston Warriors ficaram agradecidos e recolheram às cabines a vencer pela margem mínima.
 Diga-se de passagem que o resultado era injusto, pois o Sporting foi quem mais bata-lhou e os seus jogadores foram incansáveis nos seus raides de ataque.
 Simplesmente não acertavam com a baliza.
 No reatamento a equipa do Sporting regressou com a mesma vontade e os seus jogadores mostravam-se voluntariosos nos seus ataques e nas suas jogadas bem ela-boradas.
 Como era lógico, depois de várias tentativas chegou o merecido empate.
 A equipa galvanizou-se, passou a acreditar em sí e tomou totalmente as rédeas do jogo
 Só se jogava no terço do campo, onde se verificava uma grande aglomeração de jogadores, junto à grande área dos visitantes.
 Mercê dessa pressão  o segundo temto também surgiu como prémio pelo labor dos jogadores leoninos.
 Quanto à equipa do Bryston Warriors, procurou ainda através de contra-ataques surpreender o Sporting.
 Mas desta feita os jogadores da casa, não se deixaram surpreender, pois seguraram muito bem a defesa não facilitando.
 Embora procurassem o golo da tranquilidade, tomaram as devidas precauções para salvaguardar a sua rectaguarda.
 O almejado golo da tranquilidade chegou para a satisfação dos jogadores da equipa leonina, bem como dos adeptos que acorreram ao recinto para apoiar a sua equipa.
 No abono da verdade podemos afirmar que a vitória do Sporting se ajusta com o desenrolar dos acontecimentos dentro do relvado.
 Poderia ter sido mais expressiva, mas isso também seria penalizar em demasia a voluntariosa equipa do Bryston, que sempre procurou ripostar, mas faltou força para se sobrepor a um adversário que técnicamente e no ponto de vists táctico lhe foi sempre superior. Os números do marcador falam por si.