Covid-19: Presidente Marcelo convoca Conselho de Estado para decidir sobre estado de emergência

0
121

O Presidente da República portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, convocou o Conselho de Estado para quarta-feira para discutir a eventual decisão de decretar o estado de emergência, enquanto o primeiro-ministro, António Costa, anunciou que Portugal e Espanha vão limitar a circulação na fronteira a mercadorias e trabalhadores transfronteiriços.

O Governo português declarou na sexta-feira o estado de alerta no país, colocando os meios de protecção civil e as forças e serviços de segurança em prontidão, e suspendeu as actividades lectivas presenciais em todas as escolas a partir desta segunda-feira, impondo restrições em estabelecimentos comerciais e transportes, entre outras.

Os governos regionais da Madeira e dos Açores decidiram impor um período de quarentena a todos os passageiros que aterrarem nos arquipélagos, enquanto o Governo da República desaconselhou as deslocações às ilhas.

Já tinham sido tomadas outras medidas em Portugal para conter a pandemia, como a suspensão das ligações aéreas com a Itália, o país da Europa mais afetado.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou segunda-feira o número de casos de infeção confirmados para 245, mais 76 do que os registados no sábado.

Até esta segunda-feira, Lisboa e Vale do Tejo é a região que regista o maior número de casos confirmados (116), seguida da região Norte (103) e das regiões Centro e do Algarve (10). Há um caso nos Açores e cinco no estrangeiro.

O boletim epidemiológico assinala também que, desde o início da epidemia, a DGS registou 2.271 casos suspeitos e mantém 4.592 contactos em vigilância, menos do que no sábado (5.011).