Covid-19: Câmara de Lobos isolada por cerca sanitária face a aumento de casos

0
119

A Madeira registou dez novos casos de covid-19 em 24 horas, todos em Câmara de Lobos, elevando para 64 o número de infectados no arquipélago, o que motivou o estabelecimento de uma cerca sanitária naquela freguesia, indicaram as autoridades.

“Esta declaração [da cerca sanitária] é feita tendo em conta aquilo estamos a prever: que possa aparecer um número inusitado de casos positivos nesta freguesia”, declarou o secretário regional da Saúde, Pedro Ramos, em videoconferência, no Funchal.

O responsável sublinhou que o isolamento e o confinamento têm de ser rigorosos, face à pandemia de covid-19, admitindo a possibilidade de, no caso dos novos doentes, tal não ter ocorrido.

“Esta cerca sanitária é porque nós sentimos que aquela freguesia não cumpriu escrupulosamente e, por isso, temos a possibilidade do aparecimento inusitado de casos positivos”, disse.

Os novos casos de infecção correspondem a dez pessoas com residência na freguesia de Câmara de Lobos, no concelho com o mesmo nome, contíguo ao Funchal, a oeste.

“São cinco pessoas do género masculino, cinco do género feminino, com faixas etárias variadas. Três crianças com idade inferior a dez anos, duas pessoas na faixa etária entre os 20 e 29 anos, três pessoas na faixa etária dos 30 anos, uma pessoa nos 50 e uma pessoa na faixa etária dos 60 a 69 anos”, explicou Bruna Gouveia, vice-presidente do Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE).

A responsável esclareceu que dois destes casos são importados – duas pessoas que regressaram à região vindos do continente, em Março – e estão relacionados com os restantes oito, bem como com o caso referenciado na sexta-feira.

“Além destes, acresce informar que alguns destes casos positivos tiveram contacto com profissionais de saúde e são 25 os profissionais identificados como potencial contacto”, disse Bruna Gouveia, indicando que estes já se encontram em isolamento profilático.

A situação levou o Governo da Madeira, de coligação PSD/CDS-PP, liderado por Miguel Albuquerque, a determinar o estabelecimento de uma cerca sanitária na freguesia de Câmara de Lobos, a partir das 00:00 de domingo, para combater a propagação da covid-19.

Horas antes da declaração da cerca sanitária, o executivo tinha anunciado a reabertura das actividades da indústria extractiva, transformadora, da construção civil e conexas, a partir das 00:00 de segunda-feira, comunicando também que os profissionais das actividades com contacto com o público têm de obrigatoriamente de usar máscara, a partir das 00:00 de quarta-feira.

Dos 64 casos de covid-19 registados no arquipélago da Madeira desde o dia 16 de Março, nove já recuperaram.

“Dos 55 doentes activos, 54 encontram-se no domicílio ou em unidade hoteleira [requisitada pelo Governo Regional], sem necessidade de cuidados hospitalares, o que inclui todos os novos casos”, informou Bruna Gouveia.

A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 154 mil mortos e infectou mais de 2,2 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 497 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 687 pessoas das 19.685 registadas como infectadas.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.