Com 128 jogos pela selecção nacional de futebol Ronaldo é o mais internacional de sempre de Portugal

0
107
Com 128 jogos pela selecção nacional de futebol Ronaldo é o mais internacional de sempre de Portugal

Cristiano Ronaldo passou no sábado a ser, isolado, jogador mais internacional de sempre da selecção portuguesa de futebol, somando o seu 128.º jogo pelos ‘AA’, mais um do que Luís Figo, recordista há mais de uma década.

  Com o apito inicial do Portugal-Áustria, da segunda jornada do Grupo F do Euro2016, no Parque dos Prín-cipes, em Paris, Ronaldo passou a liderar sozinho a lista dos mais internacionais de sempre, ele que já é o melhor marcador da história da seleção nacional, com 58 golos.

  Para trás, fica o reinado de mais de 11 anos de Figo, que vestiu pela última vez a camisola da selecção lusa a 8 de Julho de 2006, no jogo de atribuição do terceiro e quarto lugares do Mundial da Alemanha.

  Figo liderava isolado a tabela desde 4 de Junho de 2005, num embate frente à Eslováquia (2-0), que marcou o seu regresso à selecção lusa, um ano depois de um abandono temporário, após a final do Euro2004

(0-1 com a Grécia, na Luz), num jogo em que igualou os 110 jogos de Fernando Couto, o primeiro jogador luso a chegar à centena (11 de outubro de 2003).

  O trajecto para a ‘imortalização’ de Ronaldo no futebol português iniciou-se em Chaves, com apenas 18 anos, num particular com o Cazaquistão (1-0), tendo o avançado sido utilizado toda a segunda parte, em

substituição de Figo.

  Sobretudo depois do Euro2004, prova que se realizou em Portugal e em que a selecção nacional foi vice-campeã, o madeirense tornou-se imprescindível e, a 13 de Outubro de 2007, festejou a sua 50.ª internacionalização ‘AA’, na qualificação para Euro2008, em Baku, face ao Azerbaijão (2-0).

  O jogo 100 aconteceu a 16 Outubro de 2012, no apuramento para Mundial2014, no empate caseiro com a Irlanda do Norte (1-1), no Porto.

  A 10 de Junho de 2014, Ronaldo chegou aos 111 jo-gos e ultrapassou Fernando Couto no segundo lugar da lista, em New Jersey, num particular com a República de Irlanda (5-1), que serviu de teste para a fase final do Mundial2014.

Por seu lado, o veterano central Ricardo Carvalho, de 38 anos, iguala Pauleta no sexto lugar da tabela, com 88 jogos, enquanto João Moutinho isola-se no oitavo, com 86, registo que Bruno Alves pode igualar se saltar do banco.

Nos titulares de sábado, face à Áustria, mais um jogador está no ‘top 10’, o extremo Nani, que cumpre o 98.º encontro pela principal seleção lusa e poderá tornar-se o quarto jogador a chegar aos 100 nos oitavos de final.