Clube Sport Marítimo de Joanesburgo nas celebrações do centenário do Marítimo do Funchal

0
65
Clube Sport Marítimo de Joanesburgo

Clube Sport  Marítimo de JoanesburgoO Marítimo do Funchal celebra este ano o seu centenário, mais precisamente de 13 a 20 de Setembro e para além dos festejos relacionados com a efeméride, vai organizar um torneio de futebol, que vai contar com a presença de oito equipas de veteranos, representando as comunidades madeirenses das filiais espalhadas pelo mundo.

 Para além da representante veterana do Marítimo do Funchal vai também contar com o Marítimo de Londres, Marítimo de Caracas, Marítimo de Joanesburgo e de Pretória, União de Veteranos de Almeirim, União Desportiva de Las Palmas e uma selecção de Macau.
 Cavaco Silva será o presidente da Comissão de Honra, ladeado por Alberto João Jardim e José Miguel Mendonça, presidente  da assembleia legislativa da Madeira.
 Estarão presentes membros do governo central e regional, bem como Carlos Pereira, presidente da direcção do Clube Marítimo do Funchal.
 Estivémos na sede da colectividade madeirense de Joanesburgo.  Começámos por ouvir Jorge Moreira, um dos veteranos, que se vai deslocar à Madeira, como elemento da equipa, que nos disse:

 “Trata-se de um acontecimento muito importante para todos os madeirenses espa-lhados pelo mundo, pois o “nosso” Marítimo, a casa mãe celebra 100 anos de existência. Como jogador e desportista sinto-me muito honrado com o convite que nos foi endereçado. Quero prometer que tudo faremos para representar com dignidade a nossa filial.”
 José Camacho, um dos elementos da equipa afirmou:
 “Para além do evento desportivo, que vai contar com a presença de oito representantes, este torneio tem um significado muito especial para mim, pois é o regresso à Madeira depois de 26 anos.
 Tinha apenas treze anos quando lá estive da última vez.”
 E o capítulo desportivo?

 “Como representantes do Marítimo de Joanesburgo tudo iremos fazer para honrar a nossa filial. Está claro que não conheço o valor dos nossos adversários, mas como des-portistas aspiramos o melhor e o nosso melhor vai ser a conquista do troféu.”
 Carlos Ferreira foi outro elemento contactado pela reportagem do Século de Joanes-burgo:
 “Já não faço parte da equipa, pois não jogo há perto de três anos por motivos de saúde e as pernas já não aguentam…mas mesmo assim vou estar presente para dar o meu apoio aos meus colegas como adepto fervoroso do Marítimo de Joanesburgo.”
 Alberto Santo, o presidente do clube e o verdadeiro timoneiro desta iniciativa, co-meçou por nos dizer:
 “É uma honra estar presente na celebração do centenário do Marítimo do Funchal. Vou com a nossa equipa tentar o melhor e defender o nosso prestígio no Funchal.”

 Mas o Alberto Santo, para além de ser presidente  também é jogador…
 “Sempre gostei de jogar e de integrar a equipa de veteranos e de modo algum iria deixar fugir esta oportunidade de estar ao lado dos   “ meus rapazes” Vai ser bom para todos. Espero que a minha  presença sirva de estímulo para todos os jogadores.”
 Promessas aos adeptos do Marítimo de Joanesburgo?

 “É difícil fazer promessas, pois nesta altura não sabemos nada do valor das outras equipas que participam no torneio. Mas a meu ver o mais importante, para além da competição vai ser esta oportunidade única de conviver com as outras representações de madeirenses espalhados pelo mundo. Daquí, da África do Sul, vamos com duas equipas, o Marítimo de Pretória e nós. Vamos por de parte a nossa rivalidade e convi-ver.”
 O comendador Joe Quintal, o secretário da colectividade e  o principal coordenador das actividades desportivas do clube disse:
 “Recebemos o convite para participarmos no torneio e, desde a primeira hora que manifestamos positivamente a nossa adesão.”
 E quanto às despesas de deslocação?

 “Serão por nossa conta, pois a “casa mãe” não tem possibilidades financeiras de custear a presença das oito equipas.
 Felizmente contamos com patrocinadores que vão apoiar a nossa deslocação ao Fun-chal, entre eles, João Vieira, Alberto Santo e Johan Eras-mus.”
 Constituição da vossa caravana desportiva?
 “Contamos com 16 jogadores, o treinador Emanuel Canadá  seu adjunto Jack da Silva e eu como coordenador das operações.
 Antes de terminar, quero lembrar que este evento vai ter a sua noite de gala, com a presença do Presidente da República, Professor Cavaco Silva, e do dr Alberto João Jardim, a de 19 de Setembro no Madeira Tecnopólo.”