Cidade do Cabo candidata-se ao regresso da Fórmula 1 à África do Sul

0
61
Fórmula 1

Fórmula 1A África do Sul é candidata a receber um Grande Prémio de Fórmula 1 na Cidade do Cabo em 2013, naquilo que poderia ser o regresso da modalidade ao país após quase 20 anos. O Estádio de Green Point faria parte do cenário do circuito.

 Os planos são para uma corrida ao estilo da do Mónaco, usando as ruas da Cidade do Cabo passando a prova ao lado do Oceano Atlântico e do estádio utilizado no último ano no Campeonato  do Mundo.

 Um dirigente autárquico da cidade disse a semana passada que os altos custos compensam o propósito. "Os benefícios da F1 são muito convincentes. No entanto, nós precisamos de analisar os custos para receber qualquer outro grande evento desportivo e se isso traz desenvolvimento interessante para a cidade", afirma Mansoor Moha-med, director executivo do Departamento de Economia, Desenvolvimento Social e Turismo da Cidade do Cabo.
 África recebeu uma corrida de Fórmula 1 pela última vez em 1993, vencida pelo piloto francês Alain Prost, um ano antes da África do Sul ter sua primeira eleição democrática.

 Mohamed diz que os estudos iniciais indicam que os custos para a Cidade do Cabo receber a corrida rondam 1 bilião de randes.
 Ele diz que uma decisão final, se a cidade apoiar a candidatura à F1, deve ser conhecida nos próximos seis a 12 meses.
 No entanto, a Cape Town Grand Prix Bid Company, empresa criada para cuidar dos detalhes da candidatura, aponta que os quatro dias do evento vão trazer enormes benefícios à economia do país.