Celebrações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas em Durban

0
13
Celebrações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas em Durban

No domingo, dia 15 de Junho, realizou-se o festival alusivo às celebrações do Dia de Por-tugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, na cidade de Durban, no qual estiveram presentes mais de quatro centenas de pessoas.

 Às 08h30 foi celebrada uma missa pelo Padre Ricardo Silima, na igreja católica portuguesa de San José, pela intenção dos portugueses falecidos que residiram na província do Kwazulu Natal.

 Às 11h30 houve um jogo de futebol no campo da Associação Portuguesa.

 Mais tarde foram entoados os hinos nacionais da África do Sul e de Portugal e hastea-das as respectivas  bandeiras  durante o som dos hinos.

 Nesta cerimónia estiveram presentes o cônsul honorário de Portugal em Durban, Elias de Sousa, a cônsul da República de Moçambiqu, Olga Essita Sambo, os presidentes das várias organizações portuguesas e membros da nossa comunidade.

 O presidente da Direcção da APKZN, Jorge Borges, deu as boas vindas e agradeceu a presença e participação de todos nas celebrações deste dia tão significativo para todos os portugueses.

 Os membros das várias organizações portuguesas radica-das na província prepararam as suas “barracas” de gastro-nomia portuguesa e insular. A atmosfera e ambiente eram tipicamente portuguesa com o “cheirinho” das sardinhas gri-lhadas, da espetada com car-ne macia e suculenta com rico sabor, do frango temperado à piri piri e assado cuidadosamente, do caldo verde, bacalhau à Braz, pastéis de nata, bifanas, feijoada eram bem notados pelos presentes no salão, jardins e na esplanada da sede.

 

* ARTISTA VIVIANE  ANIMOU O CONVÍVIO

 

 Após o almoço foi a actuação da vocalista e cançonista Viviane Guerreiro, acompanhada por Tó Viegas à guitarra portuguesa, João Vitorino à guitarra acústica e Filipe Valentin aos teclados. Cantou e encantou todos, sendo muito aplaudida.

 Em seguida usou da palavra o cônsul honorário de Portugal em Durban, Elias de Sousa, agradecendo a presença e participação das várias organizações e desejando a todos um Dia de Portugal muito feliz, alegre e de patriotismo.

 Anunciou aos presentes que a presença da cônsul-geral de Portugal em Joanesburgo, dra. Luisa Fragoso, no festival, não foi possível devido ao seu estado de saúde, o que foi imensamente lamentado pelos membros da comunidade. Todos expressando votos de uma rápida recuperação e que a próxima oportunidade para uma visita seja possível em breve para encontrar-se com os portugueses do KwaZulu Natal.

 O Grupo Folclórico Regiões de Portugal e APKZN exibiu-se durante algum tempo com imensos aplausos de todos os presentes. Esta foi a primeira exibição após a fusão do Gru-po Regiões de Portugal e Grupo Folclórico da Comunidade Portuguesa do Kwazulu Natal.

 A fussão demonstrou que a união faz a força com a divulgação das nossas danças e cantares da cultura lusa, imensamente apreciada e admirada pelos sul africanos.

 Como parte do programa o Grupo de Majorettes do Liceu de Glenwood exibiu vários números no relvado do campo de futebol, sendo imensamente aplaudido pelos presentes que sairam do salão para presenciar o espectáculo.

 Seguiu-se o cortar do bolo do Dia de Portugal que foi oferecido pelo ICC (Centro de Conferências Internacionais), dando a oportunidade a muitas pessoas presentes de saborear com o café após o almoço.

 O festival continuou ao longo da tarde com música portuguesa enquanto continuavam a servir os presentes, não faltando muita animação, canções, danças, gastronomia, alegria bem expressa num ambiente de paz, harmonia e sobretudo de amizade por todos os portugueses e sul africanos.