Cavaco insta Banco Central Europeu a comprar dívida pública portuguesa

0
49
Cavaco insta Banco Central Europeu a comprar dívida pública portuguesa

O Presidente da República instou o Banco Central Europeu a comprar já dívida pública de Portugal e Irlanda e pede clarificação rápida dos mecanismos de apoio aos países em dificuldade, numa mensagem escrita numa rede social.

 “E porque não o BCE começar a aplicar já aos títulos da dívida pública da Irlanda e de Portugal a orientação anunciada pelo seu Presidente?”, escreve Cavaco Silva na sua página no Facebook.
 O Presidente faz referência a uma conferência que produziu em Itália há dez meses onde reclamava do BCE uma “intervenção ampla e previsível no mercado da dívida soberana dos países solventes que enfrentam problemas de liquidez e a disponibilidade para uma intervenção ilimitada no mercado secundário” e ainda que uma intervenção da instituição e do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira no mercado da dívida soberana esteja necessariamente associada a condicionalidades que garantam o cumprimento dos países às políticas orçamentais e estruturais adequadas.
 “Congratulo-me com o facto de estes dois pontos estarem reflectidos nas recentes declarações do Presidente do BCE. Faço votos para que não se continue a atrasar a passagem à prática daquilo que há muito é óbvio, clarificando os mecanismos de apoio aos países que enfrentam maiores dificuldades nos mercados e não dando mais espaço àqueles que apostam no desmembramento da Zona Euro”, escreve Cavaco Silva.
 A declaração do presidente segue-se às declarações de Mario Dragui, em que dizia no fim da reunião do conselho de governadores do BCE que o euro “é irreversível” e que “o conselho de governadores [do BCE] poderá aplicar mais medidas não convencionais para restaurar a transmissão de política monetária”, algo a discutir nas próximas semanas, e que estas medidas poderão incluir uma nova vaga de compra de dívida pública.