Benfica empata na Luz com o Setúbal e deixa FC Porto e Sporting sós na liderança da Liga

0
43
Benfica empata na Luz com o Setúbal e deixa FC Porto e Sporting sós na liderança da Liga

O tricampeão Benfica perdeu os primeiros pontos na I Liga de futebol, após ceder um empate caseiro 1-1 com o Vitória de Setúbal, na segunda jornada, que deixa FC Porto e Sporting sozinhos na frente.

  Os sadinos adiantaram-se no marcador com um cabeceamento de Frederico Venâncio (66), na sequência de livre na direita, e o empate ‘encarnado’ surgiu apenas aos 82, numa grande penalidade convertida por Raul Jimenez, a castigar derrube de Nuno Pinto a Gonçalo Guedes, acabado de entrar.

  O empate das ‘águias’ deixa os rivais ‘leões’ e ‘dragões’ sozinhos no comando com o pleno de seis pontos: os líderes encontram-se em Alvalade no próximo domingo, na terceira jornada.

  O Sporting de Braga, que hoje segunda-feira recebe o Rio Ave, pode juntar-se à dupla da frente em caso de triunfo.

  O Moreirense conquistou o primeiro êxito da época, com expressivo 3-0 em casa do Feirense, que tinha iniciado o campeonato com surpreendente 2-0 na visita ao Estoril-Praia.

  Orientado por Pepa, ex-treinador do Feirense, o Moreirense marcou por Roberto (12), Marcelo Oliveira (69) e Francisco Geraldes (81).

  Também o Arouca conquistou os primeiros pontos ao impor-se por ao Nacional por 2-0, com tentos de Crivellaro (24) e Zequinha (30) antes de tentar recuperar em Atenas a desvantagem (0-1) no ‘play-off’ da Liga Europa, na visita ao pentacampeão grego Olympiacos.

  No sábado,  FC Porto e Sporting sofreram para vencer respetivamente Estoril-Praia e Paços de Ferreira, ambos por 1-0, e vão discutir a liderança no domingo, no primeiro ‘clássico’ da época futebolística.

  Pressionado pelo êxito dos ‘leões’, os ‘dragões’ dominaram a todos os níveis, mas foram pouco acutilantes na receção a equipa muito forte e rigorosa a defender, que resistiu a um registo de 25-6 em remates a favor do FC Porto, com 66% de posse de bola.

  A salvação, tardia, começou nos habituais cruzamentos de Layun e terminou na cabeça do jovem André Silva (84), que se antecipou à defesa para ‘pentear’ a bola de cabeça, desviando-a do guarda-redes Moreira, que não conseguiu evitar o segundo desaire dos ‘canarinhos’ na prova.

  O Sporting jogou antes em Paços de Ferreira e, num desafio complicado, impôs-se com golo so-litário de Adrien, em cima do intervalo, recebendo no próximo domingo o FC Porto, que na terça-feira discute em Roma a passagem à fase de grupos da Liga dos Campeões.

  O tento ‘leonino’ nasceu na atitude de Slimani, que foi à linha de fundo evitar que a bola saísse a entregou a Bruno César. O brasileiro centrou para Gelson ‘amortecer’ e entregar a Adrien que rematou sem hipóteses de defesa.

  O Paços de Ferreira só nos últimos 20 minutos despertou, mas aí sobressaiu a organização defensiva ‘verde e branca’, com o maior susto já em cima dos 90 com Coates a cortar, por trás, quando Cícero estava na cara de Rui Patrício.