Benfica cumpriu 100.º jogo na “segunda” prova da UEFA

0
157
Benfica

BenficaO Benfica cumpriu quinta-feira com uma histórica primeira vitória na Alemanha (2-0 ao Estugarda, para a Liga Europa) o seu 100.º encontro na segunda prova da hierarquia da União Europeia de Futebol (UEFA).

  Entre Liga Europa, Taça UEFA e Taças das Cidades com Feiras, os “encarnados” totalizam agora 100 encontros, nos quais conseguiram 48 vitórias, 22 empates e 30 derrotas, com 156 golos marcados e 115 sofridos.
  A formação da Luz começou a época na Liga dos Campeões, prova em que teve entrada directa, depois de ter conquistado o 32.º título português, em 2009/2010, mas não passou da fase de grupos, caindo para a Liga Europa.

  Face ao Estugarda, o Benfica cumpriu na Luz o 99.º encontro, vencendo por 2-1, e na quinta-feira, no jogo 100, voltou a ganhar, agora por 2-0 e após 19 visitas frustradas à Alemanha, carimbando um lugar nos oitavos de final.
  Os “encarnados” participam pela 18.ª vez na segunda prova da hierarquia europeia e só chegaram à final em 1982/83, sob o comando do sueco Sven-Goran Eriksson, actual técnico do Leicester.

No jogo do título, os belgas do Anderlecht ganharam em casa por 1-0 e, na Luz, o médio Shéu ainda igualou a eliminatória, dando vantagem ao Benfica, mas Lozano silenciou a Luz (1-1).
  Nas restantes presenças, o conjunto da Luz não mais conseguiu ultrapassar os quartos de final, fase que atingiu em mais três ocasiões: 1992/93 (eliminador pela Juventus), 2006/2007 (Espanyol) e 2009/2010 (Liverpool).

  Com o golo de quinta-feira, o paraguaio Óscar Cardozo, que já havia facturado na Luz, passou a contar 13 e é o melhor marcador “encarnado” na prova: tinha marcado um em 2007/-2008 e uma dezena na época passada.