Benfica bicampeão português de futebol

0
50
Benfica bicampeão português de futebol

O Benfica sagrou-se ontem campeão de futebol de Portugal pela 34.ª vez, segunda consecutiva, após empatar 0-0 no terreno do Vitória de Guimarães, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da I Liga.

  No Estádio D. Afonso Henriques, o Benfica, que há 31 anos não ganhava dois campeonatos seguidos, garantiu o título graças ao empate 1-1 do FC Porto com o Belenenses, no Estádio do Restelo, em Lisboa.

  A uma jornada do final, o Benfica soma 82 pontos, mais três do que o FC Porto, e será campeão mesmo que terminem em igualdade pontual, uma vez que tem vantagem sobre os portistas no confronto directo, devido a uma vitória no Dragão por 2-0 e um empate 0-0 em casa.

  Também ontem o  FC Porto empatou hoje 1-1 em casa do Belenenses, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da I Liga de futebol, `entregando´ ao Benfica, que empatou em Guimarães, o título nacional.

  Os `dragões´, que estavam obrigados a vencer nas duas últimas jornadas e que o Benfica não vencesse os seus compromissos, ainda estiveram em vantagem, depois de um tento na própria baliza de Gonçalo Brandão, aos 44, mas os `azuis´ do Restelo empataram aos 85, através de Tiago Caeiro.

  Com este empate, o FC Porto mantém o segundo lugar com 79 pontos, menos três do que o Benfica, enquanto o Belenenses é sétimo com 45 pontos, menos dois do que o sexto, o Paços de Ferreira, mantendo-se assim a luta pela vaga ainda em aberto para a Liga Europa.

  Por seu turno, o Sporting recebeu e venceu o Sporting de Braga, por 4-1, uma goleada antes do reencontro na final da Taça, que obriga os minhotos a esperar pela última ronda da I Liga de futebol para assegurar o quarto posto.

  No último encontro da temporada no Estádio José Alvalade, em jogo da 33.ª jornada, o Braga inaugurou o marcador, por Pardo (13 minutos), de grande penalidade, mas Sporting dois golos Adrien (45+1 e 73), o primeiro de penálti, um de Tobias Figueiredo (52) e outro de Slimani (90+4).

  Com este resultado, o Sporting de Braga continua sem garantir definitivamente o quarto lugar e vai entrar na última ronda com três pontos de vantagem sobre o Vitória de Guimarães, enquanto o Sporting passou a somar 73 pontos, menos seis do que o FC Porto, segundo, e menos nove do que o Benfica, que se sagrou bicampeão.

 O Gil Vicente desceu à II Liga de futebol, ao perder em casa do Penafiel, também já despromovido, por 2-1, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da prova.

  Os penafidelenses adiantaram-se aos 47, por Guedes, mas João Vilela, aos 68, ainda manteve o sonho de manutenção gilista, que foi desfeito já no primeiro minuto de descontos por M´Bala, autor do segundo golo do Penafiel.