Barclays confirma fecho de mais de 60 balcões e corte até 400 funcionários

0
35
Barclays confirma fecho de mais de 60 balcões e corte até 400 funcionários

O Barclays vai fechar entre 60 a 70 agências e reduzir o quadro de pessoal entre 350 e 400 colaboradores até ao final do primeiro trimestre de 2015, revelou o responsável pela área de retalho do banco em Portugal.

  "O plano foi apresentado em Londres e recebeu ‘luz verde’. A meta é termos entre 80 a 90 balcões no mercado português e isso implica a fusão de 60 a 70 balcões e o realinhamento do quadro de pessoal. Entre 350 e 400 colaboradores vão ser impactados", afirmou Claudio Corradini, num encontro com jornalistas em Lisboa.

  O Barclays emprega actualmente 1.464 pessoas em Portugal na área de retalho e conta com 147 agências bancárias. As áreas de banca de investimento, ‘corporate’ [grandes empresas] e cartões de crédito (Barclayscard) não vão ser afectadas.

  Em maio, o presidente executivo do Barclays, Antony Jenkins, anunciou a revisão da estratégia do grupo, assumindo que a presença do banco no retalho em Portugal (tal como em Espanha, França e Itália) deixou de ser considerada estratégica.

  "Em Portugal estamos num caminho diferente do seguido em Espanha, onde a operação está a ser vendida [ao CaixaBank, por 800 milhões de euros]", realçou Corradini, que é o responsável pelo retalho do Barclays nos dois países da Península Ibérica.