Bafana Bafana derrotam Selecção de Moçambique no jogo inaugural do CHAN

0
70
Bafana Bafana derrotam Selecção de Moçambique no jogo inaugural do CHAN

Dois golos de Parker ajudaram os Bafana na vitória no encontro abertura do CHAN. O embaraço da Selecção da África do Sul foi salvo, no segundo tempo por um tento de Hlompho Kekana do país anfitrião, com o golo final de Parker reivindicou uma vitória por 3-1 sobre Moçambique no encontro de abertura, do Grupo A,  do Campeonato das Nações Africanas da  CAF, na noite de sábado, disputado no Cape Town Stadium.

 O jogador moçambicano, Diogo Alberto surpreendeu a equipa dos Bafana Bafana após, apenas 11 minutos de jogo, mas um penalti concretizado por Bernard Parker, pouco antes da marca da meia hora colocou a equipa da casa na igualdade.

 O encontro foi precidido de dois tributos. O primeiro em honra do falecido Nelson Mandela, antigo Presidente da África do Sul e o segundo ao futebolista Eusébio, o “Pantera Negra” que foi jogador do Benfica e da Selecção de Portugal e nasceu em Moçambique.

 A equipa da casa, foi a primeira a criar uma situação de de perigo e, esteve prestes a marcar ao sexto minuto.

 Bernard Parker fez uma corrida muito rápida pelo flanco direito, depois cruzou a bola, mas estava lá o defesa moçambicano Almiro Lobo, que interceptou o centro, mandando o esférico para fora, pela linha  de canto.

 Mas os Bafana, pagaram caro pelos erros cometidos na falta de concretização, pela pouca sorte e por mui-ta complacência, quando, cinco minutos mais tarde, Diogo Alberto, desferiu um potente remate de fora da grande área  e abriu o marcador, pois a bola sofreu um desvio ao bater no defesa estreante Thato Mokeke, traindo Itumeleng Khune. Moçambique passava a liderar com a vantagem de 1-0

 O placard quase mudou para 1-1 aos 18 minutos , quando Parker cruzou da direita . O seu passe foi aproveitado por Sibusiso Vilakazi, que rematou de cabeça à baliza, mas Soares fez uma bela defesa para manter a liderança dos Mambas intacta.

 Katlego Mashego teve a sua oportunidade de igualar, quando rematou da posição frontal, da zona da meia-lua, mas a bola não chegou a atingir o alvo e foi para fora.

 Antes da meia-hora de jogo, a equipa dos Bafana Bafana, beneficiou de uma grande penalidade, quando Vilakazi foi derrubado na área de rigor, ao perseguir uma bola perdida.

 Parker, encarregou-se da marcação do penalti, batendo o guarda-redes Soares e igualando a partida.

 O marcador quase mudou para 2-1 a favor da África do Sul a dez minutos do intervalo, quando Mashego, recebeu um cruzamento de Vilakazi, rematou forte, mas o guarda-redes Soares fez outra excelente defesa.

 As equipas recolheram à cabines, para o intervalo, igualadas a 1-1

 Outra oportunidade desperdiçada ocorreu no reinício do encontro quando Parker, em boa posição não conseguiu rematar em direção da baliza, Soares mais uma vez conseguiu interceptar a jogada.

 No entanto Hlompho Kekana, aproveitou a oportunidade que lhe foi concedida, quando aplicou um forte remate e bem colocado da distância de 30 metros, com o pé esquerdo para colocar a equipa de Gordon Igesund na liderança, , pela primeira vez, pouco antes dos sessenta minutos.

 O moçambicano Francisco Moicha, de seguida, fez uma excente  intercepção crucial na grande área, antes de Itumeleng Khune levar a melhor sobre um remate de Saddan Guambe a 15 minutos do final da partida, evitando o empate.

 Parker voltou a marcar para colocar o resultado para além de qualquer dúvida com um remate de pé esquerdo, ao primeiro poste, ao receber um passe de Siphiwe Tshabalala para bater Soares com um golo que garantiu uma importante vitória por 3-1, no início da competição, que terá a sua final a 1 de Fevereiro, no Cape Town Stadium.