Alemanha garante terceiro lugar ao vencer o Uruguai

0
89
Alemanha

AlemanhaA Alemanha venceu o Uruguai por 2-3 num jogo com duas reviravoltas. Thomas Müller abriu o marcador para os alemães, tendo Edison Cavani e Diego Forlán este último já na 2ª parte deram a reviravolta para os sul-americanos. Os alemães não desisitiram e conseguiram ainda dar a volta ao encontro com golos de cabeça de Marcell Jansen e Sami Khedira. A Alemanha repete a mesma posição de 2006 alcançada diante de Portugal e fica na 3ª posição pela quarta vez.

 O jogo começou debaixo de chuva intensa e com o relvado em muitas más condições. Os alemães entraram melhor na partida e conseguiam dominar o meio-campo muito por culpa do bom trabalho de Schweinsteiger e Ozil. Logo aos 10 minutos, Friedrich enviou uma bola à barra ameaçando assim a baliza de Muslera. O golo alemão surgiu ao minuto 18, após um remate de muito longe de Bastian Schweinsteiger, com Fernando Muslera a defender para a frente e Thomas Müller a não ter dificuldade em fazer o golo na recarga.

 O Uruguai reagiu bem ao golo sofrido, pressionndo o adversário. Foi precisamente num desses movimentos que consegui tirar a bola ao capitão Schweinsteiger e isolar  Cavani, que descaído pelo lado esquerdo, e à saída do guardião faz o remate rasteiro para o poste mais distante e empatou o encontro. A primeira parte foi equilibrada até final, com os alemães a terem mais domínio territorial, mas com a melhor ocasião para desfazer o empate a ter estado nos pés de Luis Suárez que rematou ao lado do poste de Butt.

A segunda metade iniciou-se praticamente com o golo de Forlan que colocou os sul-americanos na frente. No entanto, apenas 5 minutos depois, a Alemanha restabeleceu a igualdade. Cruzamento da direita, Muslera falhou a saída ao cruzamento, e Jansen aproveitou para cabecear para o fundo das redes.

O jogo passou a ter uma toada mais lenta, com poucas ocasiões junto das balizas. Os alemães conquistavam alguns livres e cantos perto da área e apostavam no jogo aéreo pa-ra chegar ao golo. Foi precisamente num desses lances que Khedira conseguiu o golo da vitória alemã depois de um lance confuso dentro da área do Uruguai. Em cima do apito final, o Uruguai beneficiou ainda de um livre que Forlan apontou de forma superior, mas a bola embateu com estrondo na barra da baliza.

 A Alemanha consegue assim o mesmo resultado que em 2006 onde venceu Portugal no jogo dos 3º e 4º lugares.