Albertina Dias e José da Silva eleitos reis na Festa Primavera 2016 do Lar Rainha Santa Isabel

0
74
Albertina Dias e José da Silva eleitos reis na Festa Primavera 2016 do Lar Rainha Santa Isabel

No domingo 25 de Setembro, teve lugar no Lar Rainha Santa Isabel em Albertskroon, Joanesburgo a Festa da Primavera daquela instituição da Terceira Idade. Nesta festa anual, procede-se à eleição do rei e da rainha da Primavera e este ano o júri escolheu a residente Albertina Dias de 99 anos de idade e para rei José Graça da Silva. Uma festa que contou com muita animação e ambiente de salutar convívio com vários familiares dos residentes presentes para a festa.

 A tarde começou com a presidente da Sociedade Portuguesa de Beneficência (SPB), Isabel Policarpo a dar as boas-vindas a todos os presentes. “A primavera é quando tudo começa a renascer e a florir após o descanso do Inverno. É também uma boa altura para novos projectos e, quanto a isso, vamos começar as obras de Cuidados Médios.”

 Policarpo referiu que a data prevista de conclusão das obras da primeira fase dos cuidados médios, que se encontrarão por cima da nova enfermaria, será em Maio de 2017. Agradeceu ainda à “oficina das artes” à dona Fernanda, dona Marta, dona Maria Alice, dona Hermínia, dona Dirce, ao sr. Leonel Canha, todos orientados pela assistente social Isabel dos Santos. Pela decoração e trabalho feito em prol da Festa da Primavera e para que esta se realizasse sem percalços, como sucedeu.

 Em honra destes, foi dada um salva de palmas forte e calorosa por parte dos restantes residentes, familiares e cola-boradores do Lar. Isabel Policarpo terminou a sua intervenção ao afirmar que “ontem li uma frase que me marcou, “qualquer pessoa que deixa de aprender fica velho. Qualquer pessoa que continua a aprender, continua vivo e jovem”. A melhor coisa na vida é manter as ideias novas”, apelou assim a que mais residentes se juntassem ao grupo de artes e trabalhos manuais que decorre no Lar. Agradeceu mais uma vez a presença de todos e apelou a que se divertissem durante a tarde. 

 Em seguida, foi a vez do grupo coral do Lar cantar, orientado ao acordeão pela maes-trina Idalina Alves. Estes, interpretaram dois temas, o primeiro alusivo à Primavera e o segundo, a canção popular portuguesa “Aldeia da Roupa Branca”, esta última canção, foi acompanhada em coro pelo salão todo, o que conferiu um ambiente ainda mais festivo e caloroso à tarde.

 Finda a actuação, o almoço foi servido. O repasto consistia de sopa de caldo-verde, arroz de marisco com rissóis de camarão e sobremesa doce, panacota.

 Após a refeição, a directora do Lar, Fátima Curado, tomou o microfone e procedeu à tarefa de chamar os candidatos ao lugar de rei e rainha da Primavera. Leu características e dados engraçados dos residentes, que levaram os outros residentes, familiares e de mais presentes ao riso. Após a leitura destas “fichas” dos candidatos e da deliberação do júri, foi eleita para segunda princesa da Primavera, Marta Pereira. Para primeira princesa Noémia Jardim e para rainha da Primavera 2016 Albertina Dias.

 Na categoria masculina, o segundo príncipe eleito foi o residente Carlos Freitas, o primeiro príncipe Tony Gomes e o rei da Primavera 2016 do Lar Rainha Santa Isabel foi José Graça da Silva.

 A tarde continuou com convívio e música ambiente, com os residentes a confraternizarem entre si, com os seus familiares e convidados da tarde.