A luso-descendente Daniella Raquel Gonçalves recebeu o diploma de Bacharel em Artes

0
79
A luso-descendente Daniella Raquel Gonçalves recebeu o diploma de Bacharel em Artes

Luso-descendente Daniella Raquel Gonçalves recebeu diploma de Bacharel em Artes, especialidade em Direito e Ciências Políticas pela Universidade de Witwatersrand.

* Já representou África do Sul na Conferência Global da Juventude realizada nos Estados Unidos, China e Europa

 

 A luso-descendente Daniella Raquel Gonçalves recebeu o diploma de Bacharel em Artes, em Artes com especialização em Direito e Ciências Políticas , pela Universidade de Witwatersrand, de Joanesburgo, no passado mês de Março. Na cerimónia estiveram presentes os seus pais José Arlindo das Neves Gonçalves, natural da Ilha da Madeira e Elsa Maria de Freitas Gouveia Gonçalves, que nasceu na África do Sul, cujos pais são originários de Santa Cruz, também na Madeira.

 Pela sua dedicação académica, com distinções em vários níveis, Danielal foi em 2011 seleccionada para representar a África do Sul na Conferência Global da Juventude, realizada nos Estados Unidos, China e Europa.

 Daniella Raquel Gonçalves frequentou o Crawford College em Sandton, Joanesburgo. Durante o ensino primário ela superou academicamente e alcançou 13 distinções no grade 4, 11 distinções no grade 5, 12 no grade 6 e 16 distinções entre 16 disciplinas no grade 7, o último ano do ensino fundamental.

 Foi indicada por sua escola para participar nas Olimpíadas de Ciências que foram realizadas no St Johns College. Também foi seleccionada como conselheira no 7.º ano.

 Desde seus anos de escola primária, Daniella tem tido uma paixão pelas disciplinas de Drama e Música, foi assim que recebeu o prémio com cores completas para excelente realização em Drama. Participou e executou uma variedade em “Eisteddfods”, pela sua escola. Continuou com as suas conquistas académicas, culturais e desportivas durante o ensino secundário em Crawford. Teve nível de excelência em netball e natação e foi vice-capitã da equipa de natação da escola no seu ano de matric. Participou em mui-tas produções musicais.

 De recordar que teve igualmente uma média de 90% no exame de Performance de Música Rockschool no grade 5. Completou o exame de desempenho de música Rockschool no grade 7.

 A paixão de Daniella pela disciplina de Drama continuou no nível secundário. Foi assim que ela e seu elenco foram seleccionados para representar a escola no ‘One Act Play Festival’, como uma das cinco finalistas. Apresentou-se em público no Teatro Liberty Life Nelson Mandela Square, em Sandton. Obteve da escola que frequentava o grau de excelência em Drama.

 Daniella também alcançou 100% no exame prático de Drama na matric. Continuou a destacar-se consecutivamente, sendo premiada em vários níveis.

 Passa muitas horas a dedicar seu tempo a várias instituições de caridade, nomeadamente Ma’Afrika Tukken, Charjelo e Igreja.

 Pintou uma peça monocromática acrílica e a doou à Fundação TEARS (especilizada em educação sobre violação e abuso sexual), que resultou na nomeação para a campanha Lead SA.

 Daniella está actualmente a estudar Direito na Universida-de de Witwatersrand e teve uma bolsa de estudos para as suas realizações académicas. Após o primeiro ano na Wits, foi eleita para a Golden Key International Honour Society, uma organização internacional sem fins lucrativos que oferece aos seus membros uma gama de benefícios e oportunidades valiosas, incluindo bolsas de estudo, oportunidades de liderança, oportunidades de networking com parceiros corporativos, cimeiras e eventos internacionais, desenvolvimento pessoal e profissional e oportunidades para fazer uma dife-rença no seio da comunidade. A Keys tem sede regional em Pretória.